sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Expressão de Inutilidade.

Dias e dias passam, e minha mente anda num ritmo frenético. Penso milhares de coisas ao mesmo tempo, não gravando quase nada do que se passa. Esses dias uma idéia relâmpago passou pela minha cabeça e tive a felicidade de estar com lapiseira e papel em mãos, me veio a seguinte frase na cabeça:

"A 'verdadeira' beleza é expressão de inutilidade pois tudo que se usa torna-se gasto, velho, disforme."

Primeira consideração, essa verdadeira beleza a que me refiro, é esta estética que a gente vê na novela, no jornal, no filme, na passarela... Segundo isto não se aplica somente a humanos, mas também a objetos. Tudo que se usa (a não ser os carros na U.R.S.S.) fica gasto, velho, disforme, e por não ter a aparência bonitinha de sempre >>disforme<< achamos a coisa feia.
Um exemplo disso nos humanos são as rugas, só porque a pessoa não tem mais aquela pele de bunda de bebê fica gastando metade do salário em tratamento contra rugas, e seria bom se fosse só dinheiro!!! Mas há todo um sofrimento de passar, por exemplo, uma hora tomando choques de carbono no rosto, quando bastava 5 minutinhos de dedicação por dia pra passar um protetorzinho solar ali e evitaria ruga por mais 20 anos.
Aliás, voltando aos bebês, alguém pode me responder como é possível achar bonito aquele joelho enrrugado com olhos dos bebês?! E mais ainda... Como é possível distinguir o seu joelhinho do joelhinho dos outros no berçário? Não estou ofendendo joelhinho de ninguém não, pode ficar com o seu joelhinho no seu canto que eu fico com meus joelhos maltratados e cheios de cicatriz (santo patins/skate!!!) pra mim hehe e também não estou insinuando que odeio crianças e que vou furar a todas com meu brinquedinho mais novo... HAHAHA, brincadeira.

Voltando ao assunto do post (eu deveria parar de me dispersar desse jeito). O maior exemplo que achei para a Grande Expressão de Inutilidade foram as mãos! Usamos elas para tudo, é indispensável. Temos que ter um cuidado extremo para que elas se desgastem menos, mas! Mas reparem nas mãos das atrizes, das mulheres da propaganda de creme hidratante, nas garotas das revistas... as mãos delas não tem um calo enorme de escrever que nem a minha, as mãos delas não tem calos de segurar em ônibus, não são nem mesmo ressecadas! (dã, se era propaganda de hidratante como iria estar ressecada?!) Logo, penso: Para quê, Deus, você foi botar na cabeça de uma mulher retardada que quanto mais intocado mais bonito?! De quê adianta uma mulher monumento que não sabe fazer comida, nem limpar a casa, Gosh?!

4 comentários:

Anônimo disse...

O Protótipo de beleza é um padrão que todo mundo quer seguir. É tudo pré-ditado, e quem não encaixa no molde está condenado a ser assim pra sempre. Por isso existem as cirurgias plásticas. Aliás, já que você é tão crítica nessa parte de beleza padrão e tal (assim como eu), por que não faz um post sobre cirurgia plástica?! Fica aí a idéia. Abraços.

Amagorath disse...

Padrões de beleza são uma questão cultural, na antiga Grécia as mulheres mais cobiçadas eram as gordinhas e não as "atléticas"( se bem que suspeito se alguma mulher era cobiçada em toda aquela pederastia ¬¬)

aqui se idolatram bundas, acolá seios... e sucessivamente...

Para que um corpo monumental se uma mulher se quer sabe fazer comida??? Oras... para ser admirada... oque faz algo bonito muitas vezes é a exceção do todo...pele lisa, sem rugas, sem calos, cabelos sem quebras brilhantes como o Sol, é diferente das mulheres "comuns" do dia a dia... e isso gera admiração!!

The Punisher... disse...

Não sei se sou o unico, mas acho que beleza não é exatamente tudo nesse mundo(desculpa de gente feia é foda =[)
Mas ainda procuro ver a beleza interna das pessoas, coisa que realmente posso dizer que ta em falta no mercado, são poucas as pessoas que tem essa qualidade, e o maior problema é que muitas vezes pra não parecer alguém antiquado(a), as pessoas acabam se escondendo atras de uma mascara, as vezes pra fazer amigos, ou até mesmo pra conquistar alguém que não goste desses tipos de atitude, no fim essa pessoa que tin ha aquela qualidade, acaba se entregando a futilidade e esquecendo o que ela realmente era

Bom pelo menos conheço casos assim ;3

Adriano Villa disse...

E ai meu joelhinho... Vc era a mais linda do berçario naquele tempo... Enfim, como disse, a verdadeira beleza se perde com o tempo, pois as pessoas deixam de olhar para o que não é evidente. Agora, os bebezinhos são lindos sim viu, e quando começam a falar? a sorrir? a comer tomates sentado desajeitadamente... ah... o texto ta bem legal, e o vislumbre de idéia que teve foi fantástico, agora, vê se compra uma daquelas cadernetinhas e uma canetinha e ande para cima e para baixo para não perder as boas idéias... Faça isso se não puxo sua orelha hein... bjs